Roberto Gonçalves

"Tudo vale a pena quando a alma não é pequena"

Textos


Maturidade
 
    Ao atingirmos a maturidade, tão aclamada como melhor idade, olhamos no espelho do tempo, e, o exercício de viver se mostra em sua plenitude. Chegamos, enfim, à  etapa final, – entramos em contagem regressiva.
    Há quem imagina que não temos mais capacidade para sentir, desejar, pensar, querer, decidir, amar – grande engano – o nosso ser atinge a sua plena maturidade. 
    A sabedoria advém com o tempo e com a reflexão e experência dos anos vivivos. Nesta fase da vida, estamos prontos para saborear cada milésimo de segundo, ultrapassamos horas, dias, anos, – agora é tempo de reflexão.
     Nunca rejeite nem negue nada do  que está acontecendo. Viva tudo o que tiver que viver, como souber viver. Viva. Nunca questione se a maneira como fez foi certa ou errada. Lembre-se, foi a maneira como fez. Como um quadro. Os quadros são como a vida. Vai-se dando pinceladas.
   A deficiência ou incapacidade física.– comum nesta fase da existência humana – não nos rouba a ventura e aventura do caminho percorrido –  com destemor e coragem caminhamos.
  Aplauda-se o homem onde quer que ele esteja, na Cruz, nos campos de batalha, ao lado da amada, fazendo o que for.


                                          Roberto Gonçalves
                                                   Filósofo

 
RG
Enviado por RG em 28/10/2013
Alterado em 30/05/2016
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras