Roberto Gonçalves

"Tudo vale a pena quando a alma não é pequena"

Textos


Adoráveis Amigas

  Quando a linda vovó Jeanete me falava ou me contava algo sobre vocês – confesso que queria saber mais, e eis que tenho agora fotos e outras completudes no meu painel de lembranças, saudades...
   Ao saber do cotidiano de suas vidas, o meu coração se iluminou com o sorriso encantador de fadas e floridas vidas. O som suave e melodioso de suas vozes é um convite ao pulsar incessante do tempo – os cabelos, loiros, lindos, brincando com o vento.
   "Penso que uma criança deve ser um machado para o mar congelado que há dentro de nós".
   Vou guardar sementes de um sorriso, e me lembrar que "cada criança ao nascer nos trás a mensagem de que Deus não perdeu as esperanças nos homens (Tagore). "Escuta, eu não quero contar-te o meu desejo; quero apenas contar-te a minha ternura. Ah se em troca de tanta felicidade que me dão eu te pudesse repor. — Eu sobesse repor no coração despedaçado as mais puras alegrias de tua infância. 
   Estou acostumado com as coisas simples, do meu jeito mineiro. E o meu jeito é devagar, com calma, sem afetação. Meu corpo pede vida, água pura da fonte, amor que liberta. Sócrates, filósofo grego que viveu séculos antes de Cristo, gostava de passear pelas ruas comerciais de Atenas. Assediado por vendedores, respondia: "Estou apenas observando quanta coisa existe de que não preciso para ser feliz".
   "O rio não tem pressa em virar mar, porque sabe dos caminhos". Tenho vivido de alguns encontros e de muitas esperanças. "O encontro é uma esperança, e a esperança é um segredo que se revela no encontro".
   Gostaria de compartilhar com vocês, pensamentos que estão se intrometendo, pedindo para aqui figurar: "Se encontrares o amor, bebe-o com teus lábios sem receios. Ignora o ritmo da razão; a sua função é instrumenetal. Presta-se, como o arado é útil ao lavrador, para sulcar o terreno dos sonhos posto diante dos olhos pela audácia amorosa. A razão não cria os sonhos, ao contrário, apaga-os, se lhe permitimos supremacia. Afirmo-te que a vida somente está filosoficamente correta quando o amor cria os sonhos e a razão os revolve para que Deus espalhe as sementes".
   Quem é você que me envolve na esteira do tempo, na roda da alegria, no caminho da vida. "Nunca te vi, mas sempre te amei".
  É um ser divino que Deus colocou no meu caminho, ou um doce anjinho que apareceu para me alegrar? Tenho procurado nas estrelas. Quem sabe alguma delas me conte. Quero saber quem é você que me revitaliza estando tão longe, do outro lado da terra. Como podem transformar o meu dia, iluminando-o? O que é a geografia?
    Longe não existe, nem é lugar, é tão somente distancia.
   Vou treanscrever para vocês, de Reseana Murray, alguns versos que me encantam, dizendo-lhes que "a magia da poesia é encher a lua vazia, aproximar o tempo distante, chorar nos ombros da alegria, eternizar um mínimo instante!"
"Procura-se um equilibrista
que saiba caminhar na linha 
que divide a noite do dia
que saiba carregar nas mãos
um fino pote cheio de fantasia
que saiba escalar nuvens arredias
que saiba construir ilhas de poesia
na vida simples de todo dia".

Por favor, reservem dois lugares
num disco voador, um para mim,
outro pro meu amor
que eu tenho sede do céu,
tenho fome das estrelas e uma 
vontade louca de mastigar violetas.

Quero asas de borboleta azul
para que eu encontre 
o caminho do vento
o caminho da noite
a janela do tempo
o caminho de mim.

Procura-se algum lugar no planeta
onde a vida seja sempre uma festa
onde o homem não mate
nem bicho nem homem
e deixe em paz as árvores na floresta.

Procura-se algum lugar no planeta
onde a vida seja sempre uma dança
e mesmo as pessoas mais graves
tenham no rosto um olhar de criança. 

 
   Menino procura com urgência alguém de outra galáxia para trocarem selos, figurinhas e esperanças.
   Minhas queridas amigas Jeanini, Gabrielle e Joyce – essa vida é mesmo muito estranha: eu estava triste, desencantadso com a minha mesmice, mas o inexplicável, inesperadamnte, trouxe-me uma lição: fraturei o femur; estou imóvel. Muletas são agora dejageitadas alternativas de passos lentos, "de um tempo de espera". Lembrei-me, então, de uma história de Thomas Merton, que resumo para vocês, e que tem como título: "O Galo de Briga". Um Rei chamdo Hsuan ordenou ao seu treinador que treinasse uma bela ave. Impaciente, indagava sempre do treinador se a ave estava pronta para a briga – "Ainda não, dizia o treinador: 
   Ele é fogoso, eriça-se todo quando ouve outra ave grasnar. Depois de dez dias disse o treinador: "Agora ele está quase pronto. Quando outra ave grasna, seu olho nem mesmo pisca. Fica imóvel como um galo de madeira. É um brigador amadurecido. Outras aves olharão para ele de relance e fugirão".
   Quais são os limites da açpão educadora?
  O caminho do sucesso não está na bajulação. Não gosto de pessos bajuladoras. Prefiro as pessoas atrevidas. Mas há sempre um risco. A razão é simples. O atrevimento pode nos tornar adeptos da ignorância ou da sabedoria. As palavras rasas como as raízes das margaridas deve persistir na descoberta de um broto teimoso que insiste em alcançar os destinos mais profundos do chão da vida. E é justamente na construção desses valores no torná-los bastante fortes e desajáveis, bastante claros e precisos que o homem se encontra e dá sentido a sua existência.
   Com carinho e as urgências do meu cotidiano tão cheio de rotinas.

 
Roberto Gonçalves
Escritor
RG
Enviado por RG em 20/12/2015
Alterado em 09/07/2016
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras